Adalberto Júnior promete suspender vínculo partidário caso vença as eleições

You are currently viewing Adalberto Júnior promete suspender vínculo partidário caso vença as eleições

O candidato da UNITA a Presidente da República, Adalberto Costa Júnior, prometeu esta terça-feira, em Cafunfo (Lunda Norte), suspender o seu vínculo partidário para se dedicar, exclusivamente, à presidência do país, caso vença as eleições de 24 deste mês.

Ao falar num acto de massas, no quadro da campanha eleitoral, o político justificou que “um Presidente da República deve servir o seu povo e prestar contas junto do Parlamento”.

Reafirmou a intenção de ceder o poder local ao povo, pois, na sua opinião, este deve ser o proprietário da terra.

Com a revisão da Lei de Terra, referiu, esta deixa de ser propriedade originária do Estado e passa a pertencer aos cidadãos, criando-se condições para as comunidades desenvolverem a agricultura e auto-construção.

No seu manifesto eleitoral, a UNITA promete ainda reformar o Estado e melhorar a qualidade do sistema de educação, da saúde, bem como o acesso à habitação e ao emprego, a promoção da economia de mercado, erradicação das assimetrias regionais e facilitação de créditos com juro bonificado.

A UNITA concorre às eleições de 24 de Agosto próximo com o MPLA, PRS, FNLA, PRS, APN, PHA, P-NJANGO e CASA-CE.

As oito formações políticas disputam os votos de 14 milhões e 399 mil eleitores.

Angop