Petróleo recua na última sessão do ano, após auge em 2021

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Os preços do petróleo recuaram nesta sexta-feira (31) na última sessão do ano num mercado de volumes reduzidos, enquanto os investidores se perguntam se o auge alcançado em 2021 vai se manter.

O barril de Brent do Mar do Norte, de referência para exportações angolanas, para entrega em março, no seu primeiro dia de uso como contrato de referência, caiu 2,20% a 77,78 dólares.

Enquanto isso, em Nova York, o barril de West Texas Intermediate (WTI) para entrega em fevereiro encolheu 2,31% a 75,21 dólares.

Em 2021, o preço do Brent escalou mais de 50% e o de WTI mais de 55%, impulsionados pela reativação da demanda com o fim das restrições sanitárias no começo do ano.

Do lado da oferta, a Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) e seus aliados no âmbito da Opep+ só aceitaram uma reabertura prudente das comportas a cada mês.

Deste modo, as referências do crude tiveram seu melhor ano desde 2009.

Ao iniciar 2022, os mercados petrolíferos vão acompanhar de perto a partir da terça-feira a reunião mensal da Opep+, que deve decidir se manterá ou não o seu programa de flexibilização progressiva de seus limites de produção.

Em dezembro, decidiram aumentar suas cotas de produção em 400.000 barris diários.

AFP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.