FILDA encerrou com propostas de negócios na ordem de 60 milhões de dólares

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Durante a Feira Internacional de Luanda (FILDA) que terminou este sábado (4), foram realizadas propostas de negócios na ordem de 60 milhões de dólares.

De acordo com a organização do evento,  Arena Eventos, estes dados são preliminares e foram obtidos em torno dos negócios gerados, durante o certame, que recebeu 14 mil visitantes. 

Neste último dia em que encerraram as portas, observou-se, um maior movimento, sobretudo de visitantes que procuraram por produtos diversos em promoção e outros em  busca de contactos para oportunidades de futuros negócios. 

Empresas produtoras de utensílios domésticos, produtos de beleza e limpeza, neste dia, venderam todas as peças expostas a preços promocionais, com descontos de entre 20 a 25%. 

A considerada maior bolsa de negócios, foi prestigiada, durante os cinco dias, por entidades políticas e do Executivo, com destaque para o Vice-presidentes da República, Bornito de Sousa, que visitou 25 stands, dos mais de 500 expositores, entre nacionais e estrangeiros. 

Produtos e serviços dos ramos de petróleo e gás, construção civil, banca, tecnologia de informação, alimentar, reciclagem e aproveitamento de resíduos estiveram em evidência no certame.

Uma gala de premiação dos melhores expositores, sem direito a cobertura jornalística, marcou essa edição 36 dessa montra empresarial que não aconteceu em 2020.

A organização preferiu realizar o evento com severas medidas de restrições, apontado a covid-19, como uma das causas da decisão tomada. 

A FILDA é uma iniciativa do Ministério da Economia e Planeamento, em parceria com a Arena Eventos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.