Ataque de grupo armado contra autocarro no Mali mata pelo menos 33 civis

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Pelo menos 33 civis morreram hoje na sequência de um ataque executado por um grupo de homens armados contra um veículo, na região de Mopti, no centro de Mali, anunciaram fontes locais.

O ataque foi levado a cabo por alegados ‘jihadistas’, avança a agência de notícias espanhola Efe, com base em fontes locais, e aconteceu na cidade de Songho.

O autocarro atacado viajava na estrada que liga as cidades de Bandiagara e Sevaré.

As mesmas fontes adiantaram que os alegados ‘jihadistas’ assassinaram primeiro o motorista do veículo, antes de incendiar o autocarro e matar as pessoas que estavam lá dentro, incluindo mulheres com bebés, jovens grávidas e idosos.

Várias fontes locais citadas pela Efe descreveram o ataque como “bárbaro e cruel”, mas, até agora, não foi feita qualquer comunicação oficial do Governo de transição.

O Mali vive uma situação complexa de insegurança e instabilidade política, com a presença de grupos ‘jihadistas’ no território, que estão a intensificar os ataques contra a população civil, o exército do Mali e as forças estrangeiras e das Nações Unidas.

O país foi alvo de dois golpes de Estado em menos de um ano, após os quais teve início um processo de transição que ainda não foi concluído, aguardando-se a realização de uma eleição geral que ainda não foi agendada.

Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.