Presidente João Lourenço inicia hoje visita de Estado ao Reino de Espanha

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O Chefe de Estado angolano, que se encontra desde domingo à noite na capital espanhola, inicia hoje uma visita de Estado de dois ao Reino de Espanha, estando agendado para hoje dois encontros, no período da manhã está marcado um encontro com Rei Filipe VI e no período da tarde está marcado um outro encontro com o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez.

Primeiro-ministro espanhol, Pedro Sanchez e o Chefe de Estado angolano, João Lourenço, no Palácio Presidencial em Luanda durante uma visita oficial efectuada a 7 de abril de 2021

A reunião com o Rei Filipe VI, vai terminar com um almoço oferecido pelo monarca à comitiva presidencial. O encontro do Presidente angolano com o Rei de Espanha, vai decorrer no Palácio da Zarzuela, em Madrid.

No período da tarde, durante o encontro com Pedro Sánchez, vão passar em revista os acordos de cooperação que foram assinados entre os dois Estados.

Na quarta-feira, último dia de trabalho em Espanha, João Lourenço visitará a sede da Organização Mundial do Turismo (OMT), onde vai assinar o livro de honra e descerrar uma placa a assinalar a visita à sede da OMT, na capital espanhola.

No mesmo dia, quarta-feira, o Chefe de Estado angolano visita o canal de água Isabel II, uma empresa pública que se responsabiliza pela gestão do ciclo integral de água, principalmente na comunidade de Madrid.

Cooperação económica

Do ponto de vista económico, Angola quer aumentar a participação do setor não petrolífero nas trocas comerciais com Espanha, país com o qual registou, em 2020, um volume de negócios de 629 milhões de euros, disse esta segunda-feira o ministro do Comércio.

Victor Fernandes, que integra com os ministros do Interior, das Relações Exteriores e das Finanças, a delegação do Presidente João Lourenço, disse que durante os trabalhos vão ser identificados, do ponto de vista do comércio e da indústria “zonas de cooperação que façam aumentar o pendor da balança para o setor não-petrolífero”.

“Temos uma presença empresarial espanhola em Angola com alguma dimensão já, o que queremos é que ela aumente e se diversifique. Espanha é uma economia com alguma dimensão na zona económica europeia e que, do ponto de vista da produção industrial, terá muito que partilhar connosco”, disse o ministro do Comércio e Indústria, Victor Fernandes, em declarações à Rádio Nacional de Angola.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.