Antigo PCA da TCUL foragido em Portugal entregue à justiça angolana

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O antigo Presidente do Conselho de Administração da Empresa de Transportes Colectivo e Urbano de Luanda, TCUL, foi extraditado por Portugal e entregue à justiça angolana esta terça-feira.

Abel Cosme era procurado pela justiça angolana desde que fugiu para Portugal, em 2018, alegadamente para se tratar de problemas cardíacos.

O ex-PCA da TCUL, e antigo director-geral da UNICARGAS, foi constituído arguido pela Procuradoria-Geral da República, num processo relacionado com desvio de fundos, suspeita da prática de branqueamento de capitais, corrupção, peculato e associação criminosa. Abel Cosme está igualmente envolvido no “Caso CNC”- Conselho Nacional de Carregadores- e deveria ter sido julgado em 2019 no mesmo processo que condenou o ex-ministro dos transportes, Augusto Tomás, mas acabou por fugir para Portugal.

As acusações estão ligadas à sua gestão na Unicargas E.P, através da qual terá constituído uma empresa privada de serviço de táxi.

Acabou por ser detido pelas autoridades portuguesas em Janeiro deste ano depois de o seu nome aparecer no “alerta vermelho” da Interpol e agora, à pedido da PGR, foi extraditado para Luanda.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.