EI reivindica ataques contra talibãs no Afeganistão

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O grupo Estado Islâmico no Afeganistão (EI-K) reivindicou a autoria de ataques realizados neste sábado e domingo contra os talibãs na cidade de Jalalabad, segundo seu órgão de propaganda Amaq.

Em dois comunicados, o EI afirma ter sido o autor de “três atentados a bomba separados contra três veículos dos talibãs” ocorridos ontem em Jalalabad, e de outro “ataque a bomba” realizado neste domingo contra “um veículo dos talibãs” naquela mesma grande cidade do leste afegão. Foram os primeiros ataques letais desde a retirada das últimas tropas americanas do Afeganistão, em 30 de agosto, após 20 anos de presença militar.

As três explosões de sábado mataram duas pessoas e feriram outras 20, segundo um funcionário do alto escalão talibã, que não quis ser identificado. Já um funcionário do departamento de saúde de Nangarhar, cuja capital é Jalalabad, relatou três mortes. Pelo menos um dos ataques teve como alvo um veículo policial dos talibãs.

Neste domingo, um veículo que transportava combatentes talibãs foi atacado, segundo a imprensa local. Testemunhas citadas informaram que vários talibãs foram levados para o hospital após a explosão, que, segundo um jornalista, ocorreu perto de um entroncamento em direção à capital, Cabul.

Os ataques mostram a situação precária da segurança no Afeganistão, onde o novo regime prometeu restaurar a paz e estabilidade, após mais de quatro décadas de guerra.

Jalalabad é o principal foco do grupo Estado Islâmico no Afeganistão (IS-K), rival dos talibãs, que assumiu a responsabilidade pelo ataque que matou mais de 100 pessoas no aeroporto de Cabul em 26 de agosto.

AFP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.