Duetos na Avenida regressaram a Luanda

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Após cerca de ano e meio de ausência regressaram aos palcos de Luanda os “Duetos na Avenida”.

Com efeito o Memorial António Agostinho Neto, abriu a porta no passado 04 de Agosto, para receber o projecto artístico cultural Duetos na Avenida, com Ângelo Reis e Márcio Batalha no formato poemas musicados.

Numa iniciativa da Zona Jovem Produções o “Duetos numa noite de poetas e banda”, os protagonistas foram Ângelo Reis e Márcio Batalha.

O último encontro com o público aconteceu em Fevereiro de 2020, na Casa 70, num concerto de Heavy C e Guto.

Infelizmente veio a pandemia e a paralisação dos shows de um projecto iniciado em Agosto de 2018 com Puto Português e Patrícia Faria, seguidos de muitos que lotaram a Casa 70.

Ao repensar o projecto, a Zona Jovem resolveu criar uma nova roupagem, explicou o director executivo Figueira Ginga:

“Fomos obrigados fazer uma revisão completado projecto. E confesso que eu não tinha noção do quanto que o Duetos era bem aceite e bem colocado no horizonte cultural do país”, disse.

Questionado sobre a escolha do cartaz, o director executivo da Zona Jovem Produções, reiterou disse que “eles estão entre o que há de melhor no cenário poético de Angola e muito nos orgulha retomar o Duetos com esses dois nomes”.

Ângelo Miguel Domingos dos Reis nasceu em Luanda, aos 26 de fevereiro de 1978. Em 2007 participou na criação do Movimento Lev´Arte, sendo um dos seus co-fundadores.

Márcio Batalha foi vencedor do prémio Melhores Poetas 2014 no Brasil. Participou em diversas Antologias nacionais e internacionais, entre elas a Geografia Mágica da Kianda, da Brigada Jovem de Literatura.

No dia 3 de setembro, às 19:00 horas, irão dividir o palco Selda e Carla Morena

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.