Greve no CFB será levantada neste sábado

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A greve dos trabalhadores do Caminho de Ferro de Benguela (CFB) será levantada a partir das zero horas do dia 03 de Julho (sábado), segundo um comunicado emitido esta sexta-feira, pelo primeiro secretário da comissão sindical da empresa, Mário Saculembe.

Durante uma reunião dirigida pelo secretário de Estado dos Transportes Terrestres, Bengue Calumbo, ficou acordado o aumento salarial de 12,5 a 25 por cento, de forma faseada, em relação aos trabalhadores que auferem salários mais baixos, num universo de mil e 256.  

Quanto a cesta básica, será mesmo fornecida de dois em dois meses devido à situação financeira “menos boa” da companhia.

O secretário de Estado saudou a flexibilidade da comissão sindical em relação aos dois pontos em discussão, nomeadamente o aumento salarial na ordem dos 50 por cento e o fornecimento mensal da cesta básica.

Além de representantes do Conselho de Administração da empresa e da Comissão Sindical, estiveram também presentes, o director nacional do Instituto dos Caminhos de Ferro de Angola, o director provincial dos Transportes e Mobilidade, representantes do Ministério do Trabalho e Segurança Social, da União dos Sindicatos de Benguela e do Sindicato dos Transportes e Telecomunicações.

Os trabalhadores do CFB haviam entrado em greve na última quinta-feira (01), por um período de seis dias, reivindicando um aumento salarial de 50 por cento e o fornecimento de uma cesta básica mensal, de um total de 12 pontos, dos quais a direcção da empresa já havia satisfeito 10.

O CFB é a maior companhia ferroviária de Angola, atravessando o país desde a cidade costeira do Lobito, na província de Benguela, até ao Luau (Moxico), com 67 estações e mil e 866 quilómetros de extensão de linha férrea.

Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.