João Lourenço viaja hoje para Nova Iorque para reunião do CS sobre RCA

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O Chefe de Estado angolano, João Lourenço, viaja esta segunda-feira para Nova Iorque, a fim de participar na sessão especial do Conselho de Segurança das Nações Unidas sobre a situação na República Centro Africana (RCA).

João Lourenço desloca-se à sede da ONU na qualidade de Presidente da Conferência Internacional sobre a Região dos Grandes Lagos (CIRGL), de acordo com o seu porta-voz, Luís Fernando.

O porta-voz do Presidente da República disse que o estadista angolano ausenta-se do país por alguns dias para trabalhar em prol da diplomacia africana, da paz e da estabilidade na região dos Grandes Lagos, concretamente na RCA.

Angola assume a presidência rotativa da Conferência Internacional sobre a Região dos Grandes Lagos desde Novembro de 2020.

Durante a reunião do Conselho de Segurança da ONU, prevista para quarta-feira, João Lourenço fará o ponto de situação do que tem estado a ser feito, sob liderança de Angola, no esforço colectivo de procura da paz e segurança na RCA.

Em Janeiro e Abril do corrente ano, realizaram-se em Luanda duas mini-cimeiras, por iniciativa da presidência angolana da CIRGL, eventos a que se seguiram três outras reuniões de ministros dos Negócios Estrangeiros de Angola, Ruanda e da RCA, em Maio e Junho, em Bangui (RCA), visando harmonizar ideias e posições para a implementação de um roteiro que conduza à paz.

Na RCA, as autoridades debatem-se, entre outros grandes desafios, com a presença de forças negativas de várias tendências, ideologias e matrizes, bem como o drama de não poder adquirir armas, devido a um embargo decretado pelo Conselho de Segurança da ONU.

A República Centro Africana tem no seu território a Missão de Estabilização Multidimensional Integrada das Nações Unidas (MINUSCA), aprovada em 2014.

De acordo com o porta-voz Luís Fernando, “são vários os pronunciamentos do Presidente João Lourenço, que tem  advogado abertamente” o fim do embargo de armas decretado à RCA.

Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.