Jovem que filmou morte de George Floyd ganha Prémio Pulitzer

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A jovem de 17 anos que filmou o vídeo da prisão e assassinato do afro-americano George Floyd, foi distinguida esta sexta-feira com prémio Pulitzer “Menção Especial”.

Darnella Frazier foi homenageada durante a cerimónia em que foram anunciados os vencedores dos prestigiosos prémios de jornalismo de 2021, pelo seu “corajoso” relato sobre o assassinato de Floyd em maio de 2020 por um polícia de Minneapolis.

Darnella Frazier foi premiada por “corajosamente ter gravado o assassinato de George Floyd. O vídeo desencadeou uma onda de protestos contra a violência policial em todo mundo todo e destacou o papel fundamental dos cidadãos na busca dos jornalistas por verdade e justiça”, disse o comité do prémio.

A equipa do jornal Star Tribune de Minneapolis recebeu o prémio na categoria de notícias de última hora, pela sua cobertura da morte de Floyd e as suas repercussões.

O jornal The New York Times recebeu o prémio de serviço público pela sua cobertura da pandemia de coronavírus.

O site BuzzFeed ganhou o seu primeiro Pulitzer na categoria de reportagem internacional pela sua cobertura dos campos de prisioneiros construídos na China para a detenção em massa de muçulmanos.

AFP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.