Vídeo: erupção vulcânica leva à evacuação de milhares de pessoas de Goma

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Milhares de pessoas fugiram da cidade de Goma, leste da República Democrática do Congo (RDC), quando um vulcão entrou em erupção e a lava aproximou-se do aeroporto local na noite deste sábado.

Enquanto o brilho vermelho do Monte Nyiragongo tingia o céu noturno acima da cidade à beira do lago de cerca de dois milhões de habitantes, milhares de residentes de Goma carregando colchões e outros pertences fugiram da cidade a pé, muitos em direção à fronteira com o Ruanda.

A última erupção do Nyiragongo ocorreu em 2002, matou 250 pessoas e deixou 120 mil deslocados. É um dos vulcões mais activos do mundo e é considerado um dos mais perigosos.

O Ministério encarregado da gestão de emergências do Ruanda disse que mais de três mil e 500 congoleses cruzaram a fronteira.

A mídia estatal do Ruanda disse que eles seriam hospedados em escolas e locais de culto.

Novas fracturas estavam a abrir-se no vulcão, deixando a lava fluir para o sul em direção à cidade, após inicialmente fluir para o leste em direção ao Ruanda, disse Dario Tedesco, um vulcanologista baseado em Goma.

“Agora Goma é o alvo”, disse Tedesco à Reuters. “É semelhante a 2002. Acho que a lava está indo em direção ao centro da cidade.”

“Pode parar antes ou continuar. É difícil prever”, disse ele.

Emmanuel De Merode, chefe do Parque Nacional de Virunga, pediu aos funcionários do parque em partes de Goma que evacuassem, de acordo com uma nota a que a Reuters teve acesso.

Ele disse que a lava atingiu o aeroporto internacional no extremo leste da cidade, mas não é provável que chegue a outras partes de Goma.

Celestin Kasereka, chefe de pesquisa científica do Observatório de Vulcões Goma (OVG), disse aos repórteres que não achava que a lava estava fluindo suficientemente rápido para chegar a Goma.

Uma fonte das Nações Unidas disse que todas as aeronaves da ONU foram evacuadas para a cidade de Bukavu, no sul, e Entebbe, no vizinho Uganda.

A energia eléctrica também foi cortada em grande parte de Goma.

O primeiro-ministro Jean-Michel Sama Lukonde convocou uma reunião de emergência na capital, Kinshasa, onde o governo activou um plano de evacuação para Goma.

Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.