China: arranha-céu de 300 metros é evacuado depois de começar tremer sem razão aparente

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Um arranha-céu foi evacuado na tarde desta terça-feira (18) na China, em meio ao pânico, depois que o prédio de quase 300 metros de altura começou a tremer por um motivo ainda desconhecido.

Concluído em 2000, o SEG Plaza é um dos edifícios mais emblemáticos de Shenzhen (sul), a imensa metrópole na fronteira com Hong Kong.

Na rede social Weibo, a agência de gestão de emergências de Shenzhen anunciou que serão verificadas as causas da oscilação do edifício, uma vez que “nenhum tremor foi registrado na cidade”.

O incidente ocorreu por volta das 13h50 (horário local) e causou pânico entre os ocupantes do prédio.

Cinco dos arranha-céus mais altos do mundo estão na China, incluindo a Torre Xangai, que tem 128 andares e 632 metros de altura.

Desde o ano passado, a China proibiu a construção de prédios com mais de 500 metros de altura, uma restrição que já estava em vigor em algumas cidades, como Pequim.

Na China, um arranha-céu nunca desabou, ao contrário de edifícios mais baixos, devido a normas de construção às vezes frouxas.

Em março de 2020, um hotel usado como local de quarentena contra o coronavírus desabou na província de Fujián (leste), matando 29 pessoas.

AFP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.