Angola regista mais 151 casos e seis óbitos, novo máximo desde fevereiro

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

As autoridades de saúde angolanas anunciaram hoje mais 151 infeções pelo novo coronavírus e seis óbitos, o número mais elevado desde fevereiro deste ano, segundo o boletim epidemiológico da Direção Nacional da Saúde Pública.

Os novos casos foram notificados em Luanda (128), Huambo (9), Huíla (6), Benguela (4), Uíje (3) e Lunda Sul (1), com idades entre 3 meses e 88 anos, dos quais 67 de sexo masculino e 84 do sexo feminino.

Nas últimas 24 horas foram também reportados seis óbitos, sendo três em Luanda e três na Huíla, de cidadãos angolanos com idades entre 42 e 70 anos e outras 50 pessoas foram recuperadas da doença, sendo 32 em Luanda, 11 na Huíla, cinco em Benguela e dois no Huambo.

Os laboratórios processaram 1.638 amostras por RT-PCR, num cumulativo que aponta para 510.181 testes processadas com uma taxa de positividade de 5,3%.

No total, Angola regista 27.284 casos, 24.190 recuperados da doença, 2.485 ativos (incluindo 11 críticos, 21 graves) e 609 óbitos, bem como 228 doentes internados e 102 pessoas em quarentena institucional.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.214.644 mortos no mundo, resultantes de mais de 153,4 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.