Óscar de Melhor Ator para Anthony Hopkins pelo desempenho em “O Pai”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Óscar de Melhor Ator atribuído a Anthony Hopkins pelo desempenho em “O Pai”, de Florian Zeller.

Na representação masculina estavam indicados Chadwick Boseman (a título póstumo por “Ma Rainey: A mãe dos blues”), Riz Ahmed (“Sound of Metal”), Gary Oldman (“Mank”) e Steven Yeun (“Minari”), além do protagonista de “O Pai”.

O britânico Anthony Hopkins, que não esteve presente na cerimónia, conquistou hoje o segundo Óscar de Melhor Ator, 30 anos após a sua distinção pelo papel em “O Silêncio dos Inocentes”, de Jonathan Demme.

O desempenho no filme de Florian Zeller já tinha garantido a Hopkins a distinção dos BAFTA, os prémios da academia britânica de cinema e televisão.

A 93.ª cerimónia dos prémios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas decorre entre a estação de comboios Union Station, na baixa de Los Angeles, e o Dolby Theatre, em Hollywood, com restrições devido à pandemia de covid-19.

Fonte: Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.