UNITA pede assistência para as vítimas da chuva

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A UNITA instou, esta terça-feira, o Executivo angolano a assistir as vítimas da chuva e a corrigir, em definitivo, os factores que agravam as ocorrências em tempo de chuva, particularmente em Luanda.  

Em concreto, o partido solicita a correcção da débil recolha de resíduos sólidos e o consequente entupimento dos canais de drenagem das águas pluviais. 

Em nota, a propósito dos danos da chuva da última segunda-feira, a UNITA pediu uma melhor estruturação urbanística para a acomodação das populações, vítimas das chuvas, em zonas seguras, impedindo a construção nas linhas de água.

O partido diz ter acompanhado com preocupação as inúmeras mortes e prejuízos materiais causados pelas chuvas que se abatem pelo país, em particular em Luanda, onde 14 cidadãos, entre os quais adultos e crianças, perderam a vida.

Dados oficiais dos Serviços de Proteção Civil e Bombeiros apontam, provisoriamente, para 14 mortes,  ldois feridos, mil e 600 residências inundadas e oito mil pessoas desalojadas.

A chuva, que começou às 5h00 da manhã, danificou ainda pontes, derrubou árvores,  provocou o transbordo de várias bacias de retenção, entre outros prejuízos.

Em Luanda, os municípios mais afectados pela chuva foram Cazenga, Cacuaco, Viana e Kilamba Kiaxi, segundo dados oficiais.

Fonte: Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.