Temporal em Luanda causa desabamento de residências, pontes e 4 mortos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Quatro pessoas morreram, duas pontes desabaram,, cabos eléctricos e àrvores cairam, ruas, residências e instituições públicas ficaram inundadas em consequência do temporal que se regista hoje, segunda-feira, em Luanda, desde às 05h00 da manhã.

A ANGOP soube  que uma criança morreu soterrada no bairro Nguanhã, no distrito do Sambizanga, em consequência do desabamento de uma parede da residência onde vivia.

As outras três mortes ocorreram por electrocussão, sendo dois casos no Kilamba Kiaxi, nas imediações do Hospital Sanatório onde mãe e filha faleceram, enquanto o terceiro  aconteceu no município de Luanda, tendo falecido  um cidadão estrangeiro.

 De acordo com relato de populares,  a ponte das Madres, no bairro da Nova Urbanização, em Cacuaco, e a do Kamorteiro, no Talatona, desabaram impedindo a circulação de viaturas e de pessoas.

No município de Luanda, os bairros Alvalade, Miramar, Marginal, Mutamba,   Boavista, Chicala I,  zona do Porto Pesqueiro, Ilha Bungo (Ingombota), Kamuxiba, Kinanga, Kim Ribeiro e Zamba 2 (Samba), rua 21 de Janeiro, Prenda, Rocha Pinto, Gamek, Catintom e  Huambo ficaram, igualmente, alagados.

As inundações afectaram, também, a zona baixa do Cassequel (Maianga), os bairros Santo Rosa, Madeira, zona dos Bois e Madeira (Sambizanga), no distrito Urbano do Ngola Kiluanje – Pedreira de cima e de baixo.

O  Kilamba Kiaxi e o Talatona  ficaram com os bairros totalmente alagados, designadamente Havemos de Voltar (Malanjinho), Rastas, Golf I, Lixeira, na sub zona 10 (no limite com o Catintom) e zona da Ponte Molhada, Benfica, Dangereux, Cambamba e Cambamba 2 e Honga.

Os bairros do Distrito sede, Pescadores, Cerâmica, Garcia, Emmanuel, Bate-chapa, entrada da Barra do Bengo, Kicolo, Boa Esperança e a zona agrícola da Funda no municipio de Cacuaco estão também inundados.

O município do Cazenga registou vários estragos causados pela chuva nos bairros da BCA, Tunga Ngó, Asa Branca, Aviários, arredores das Bacias Tio Kimbundo e Tio Mabululo.

O temporal  afectou, igualmente, a rotunda da Igreja Catolica, Luanda Sul ,os bairros da Estalagem, Baixa de Kassanje, KM9, KM12A, parte do Porto Seco, Zango 1 junto do centro de distribuição da EPAL, Sanzala,   em Viana.

A ANGOP apurou, ainda, que o município de Belas, parte da Avenida Fidel Castro, nas imediações do Estádio 11 de Novembro, assim como o bairro das Salinas, Veados, Mundial e Vila Verde, na zona de Cabolombo tiveram, também, prejuízos causados pela chuva.

Fonte: Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.