Diretora da Saúde do Bengo em prisão preventiva na cadeia de Caboxa

You are currently viewing Diretora da Saúde do Bengo em prisão preventiva na cadeia de Caboxa

O Tribunal da Comarca do Dande alterou a medida de coação que tinha sido aplicada, durante a fase de instrução preparatória, a diretora provincial da Saúde do Bengo, Victória Cambuanda, de prisão domiciliar para prisão preventiva e conduzida a cadeia de Caboxa.

Victória Cambuanda, que se encontrava desde novembro de 2020 sob prisão domiciliar, foi agora conduzida para a cadeia de Caboxa com três coarguidos, nomeadamente, Alberto Pascoal Domingos, Paulo Jorge Brandão Luís e Elísio Manuel, todos funcionários do gabinete provincial da Saúde.

Victória Cambuanda se encontra suspensa das suas funções e é acusada de ter desviado 75 milhões de kwanzas destinados ao combate à covid-19 no Bengo.

No total, são 14 pessoas acusadas pelo Ministério Público neste processo, sendo que os restantes encontram-se sob termo de identidade e residência.