FC Barcelona, sem Messi, volta a atrasar-se na Liga espanhola

You are currently viewing FC Barcelona, sem Messi, volta a atrasar-se na Liga espanhola

O FC Barcelona, sem Lionel Messi na equipa, voltou a atrasar-se na Liga espanhola de futebol, com o empate 1-1 hoje cedido ao Eibar, na despedida de um ano em plano bem mais fraco do que o habitual.

A estrela argentina viu o jogo da bancada de Camp Nou, ainda a beneficiar de uma ‘folga’ extra de dois dias para recuperar de dores no tornozelo direito. No terreno, o ‘Barça’ não conseguiu mais que um empate a um golo, a deixar a equipa a sete pontos dos dois ‘grandes’ da capital.

De regresso à equipa, lançado para a segunda parte, o extremo francês Ousmane Dembélé salvou os ‘blaugrana’ de pior sorte, ao marcar o golo do empate, aos 67 minutos, após centro de Junior Firpo. O capitão basco Kike Garcia tinha adiantado os visitantes, aos 57 minutos, após tirar partido de um erro do defesa Ronald Araujo.

Para agravar a má onda da equipa da casa, salienta-se a saída do influente Philippe Coutinho, nos descontos, deixando no ar a ideia de que se terá lesionado.

O FC Barcelona entra assim em 2021 bem mais intranquilo que nas últimas épocas, sendo que a nova direção do clube, a ser eleita em 24 de janeiro, terá na agenda um ponto dos mais sensíveis – a renovação do contrato de Messi, que já quis sair no verão passado.

Em outro jogo do dia, o muito competitivo Sevilha, de Julen Lopetegui, dominou o Villarreal, de Unai Emery, por 2-0, o que permite aos andaluzes chegar ao grupo dos terceiros, com 26 pontos, os mesmos que tem a Real Sociedad e o seu adversário de hoje.

A um ponto, em sexto, segue o ‘Barça’, aparentemente arredado do título, já que ainda há muitos jogos em atraso no campeonato e o Atlético de Madrid tem dois jogos a menos do que os catalães. Se os ‘colchoneros’ ganharem na quarta-feira ao Getafe (12.º), a diferença aumenta para 10 pontos.

No estádio Ramón Sanchez Pizjuan, em Sevilha, o marcador foi aberto por Ocampos, aos oito minutos, de grande penalidade, e o 2-0 chegou aos 53, através de En-Nesyri.