Petróleo fecha semana praticamente estável

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Os dois contratos de petróleo de referência fecharam perto do equilíbrio na sexta-feira, em um mercado que aguarda a cúpula decisiva dos países produtores de petróleo na segunda e terça-feira.

Ao final de uma sessão mais curta, um dia após o feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos, o barril do WTI para janeiro perdeu 0,4% em relação a quarta-feira, a US$ 45,53. Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte no mesmo mês ganhou 0,8% em relação ao fechamento de quinta-feira, a US$ 48,18.

O Brent e o WTI também atingiram suas máximas de oito meses e meio esta semana, a US$ 49,09 e US$ 46,26 por barril, respectivamente.

Desde o início de novembro, eles registaram ganhos de mais de 25%.

O petróleo “se mantém, pois os investidores se apegam à esperança de que a reunião da OPEP+ na próxima semana adie por três meses” o nível atual de corte de produção, disse Eugen Weinberg, analista do Commerzbank.

Os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e seus aliados da OPEP+ se reunirão na segunda-feira, 30 de novembro, e na terça-feira, 1º de dezembro, para se pronunciarem sobre o acordo de redução da produção de petróleo que assinaram.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.