PM reafirma dever de “manter a ordem” após reunião com enviados da União Africana

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O primeiro-ministro etíope, Abiy Ahmed, reafirmou hoje, no final de uma reunião em Adis Abeba com os enviados especiais da União Africana (UA) para a mediação do conflito em Tigray, que é seu dever “manter a ordem” na Etiópia.

Abiy Ahmed ordenou na quinta-feira que o Exército avançasse para a “última fase” da operação militar lançada em 04 de novembro, o ataque a Mekele, a capital da região separatista do norte da Etiópia.

Os líderes da Frente de Libertação do Povo Tigre (TPLF) estão entrincheirados em Mekele, cidade agora rodeada por forças militares federais, que antes do início do conflito tinha cerca de 500.000 habitantes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.