Fradique estreia em Portugal “Ar Condicionado”, filme do realismo mágico de Luanda

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O realizador angolano Fradique estreia, na quinta-feira, no festival Porto/Post/Doc, no Porto, o filme “Ar Condicionado”, passado em Luanda, com pessoas da classe trabalhadora e “algum realismo mágico”, disse em entrevista à Lusa.

“Em Luanda, os aparelhos de ar condicionado começam a cair misteriosamente dos edifícios. A missão de Matacedo, segurança, é consertar uma das máquinas. A sua busca assinala o ponto de partida para um filme sobre a história desta cidade e das pessoas que tentam reconstruir as suas vidas, após a guerra civil”, pode ler-se na sinopse do filme, estreado no Festival Internacional de Cinema de Roterdão.

Essa personagem, assim como as outras que com ele se cruzam e relacionam – Zezinha, empregada doméstica, e Kota Mino, dono de uma loja de materiais domésticos – vêm de um lado de Luanda “que, de certa forma, é invisível”.

Fonte: Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.