Líbia retoma produção petrolífera em locais “seguros”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A Companhia Nacional de Petróleo líbia (NOC, na sigla em inglês) anunciou neste sábado a retomada da produção e exportação de petróleo bruto na Líbia em locais “seguros”.

A notícia chega um dia depois de o marechal que controla o leste do país, Khalifa Haftar, anunciar a suspensão, sob condições, do bloqueio de oito meses imposto por suas forças, mas a NOC exigiu a saída dos grupos armados antes de retomar a produção.

“Os operadores foram instruídos a retomarem […] a produção e as exportações dos campos e dos terminais seguros”, explicou a NOC em seu site.

A companhia anunciou também a suspensão da “força maior em portos e campos petrolíferos seguros”, mas esta será mantida onde “se verificar a presença de elementos dos grupos (de mercenários russos) Wagner e de grupos armados”, sem citar o nomes dos locais em questão.

O “caso de força maior”, apontado em circunstâncias excepcionais, permite à companhia eximir-se de sua responsabilidade caso os contratos de entrega de petróleo não sejam respeitados.

A Líbia, que tem as reservas de petróleo mais abundantes da África, está às voltas com um conflito entre duas potências rivais: o Governo da União Nacional (GNA) com sede em Trípoli e o marechal Khalifa Haftar, que domina o leste e uma parte do sul.

O marechal Haftar controla os principais locais de petróleo onde suas forças bloquearam todas as atividades desde janeiro, denunciando uma distribuição desigual de renda entre o oeste e o leste.

O bloqueio causou prejuízos de mais de 9,8 bilhões de dólares, segundo dados da NOC.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.