ByteDance rejeita oferta da Microsoft para comprar operações do TikTok nos EUA

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A oferta da Microsoft para comprar as operações do aplicativo de vídeos TikTok em território americano foi rejeitada pela proprietária da plataforma, a chinesa ByteDance, anunciou neste domingo a gigante americana da informática.

“A ByteDance nos informou hoje que não venderá as operações americanas do TikTok à Microsoft. Estamos convencidos de que nossa proposta teria sido boa para os usuários do TikTok, ao mesmo tempo em que seriam protegidos os interesses da segurança nacional”, assinalou a Microsoft em comunicado.

O grupo americano havia anunciado, no começo de agosto, seu interesse em comprar as operações no país do TikTok, aplicativo sob ameaça de ser proibido oficialmente nos Estados Unidos. O presidente Donald Trump acusa há meses, sem provas, a popular rede social de espionagem para a China.

Trump assinou decretos para forçar a ByteDance a vender rapidamente as operações do TikTok em solo americano. Se um acordo de compra e venda não for fechado até o próximo dia 20, a plataforma terá que se retirar dos Estados Unidos.

“Nós teríamos feito mudanças significativas para garantir que o serviço atendesse aos padrões mais elevados em matéria de segurança, respeito à privacidade e luta contra a desinformação”, afirmou a Microsoft. No fim de agosto, o grupo Walmart confirmou que havia se unido à gigante da informática nas negociações para adquirir a plataforma de vídeos curtos.

Segundo a imprensa local, o grupo de informática Oracle, cujo nome foi citado como um dos possíveis interessados, tem, agora, o caminho livre para comprar as operações do TikTok. Nenhuma das duas empresas confirmou estas informações.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.