Chefe da saúde pública do Canadá recomenda sexo com máscara e sem beijo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A chefe do Departamento de Saúde Pública do Canadá, Theresa Tam, pediu, nesta quarta-feira (2), que os casais usem máscaras durante as relações sexuais para evitar a propagação do novo coronavírus.

“O sexo pode ser complicado na era da COVID-19, especialmente para aqueles sem um parceiro íntimo em sua casa ou cujo parceiro sexual está sob maior risco de COVID-19″, disse Tam num comunicado. “A atividade sexual de menor risco durante a pandemia envolve você mesmo sozinho”, acrescentou.

Aqueles que fizerem sexo com um parceiro de risco ou de fora de sua casa, porém, devem “deixar de beijar e evitar contato face a face ou proximidade e considerar usar uma máscara que cubra o nariz e a boca”.

Tam também recomendou que as pessoas limitem o consumo de álcool e “outras substâncias para que você e seu(s) parceiro(s) possam tomar decisões seguras”.

A médica observou que há uma “probabilidade muito baixa” de transmissão do novo coronavírus por meio do sêmen ou de fluidos vaginais, mas ainda pediu o uso de preservativo.

O número de casos confirmados de COVID-19 no Canadá aumentou na quarta-feira para 129.705, incluindo 9.171 mortes. Quase 90% das pessoas que adoeceram se recuperaram.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.