Zaire é a segunda província com mais infectados

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Com 32 casos positivos confirmados, a província do Zaire é a segunda região de Angola com o maior número de infectados, numa lista liderada por Luanda, com mil e 959 casos positivos.

Segundo o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, que fazia a habitual actualização dos dados da Covid-19 no país, dos 32 casos confirmados no Zaire,  dez foram detectados na empresa petrolífera Angola LNG (duas altas clínicas), oito na Base de Apoio às Actividades Petrolíferas “Kwanda”, dois na petrolífera Esso, 11 no município do Soyo e dois em Mbanza Congo.

Na ocasião, lembrou que os casos positivos foram diagnosticados durante o processo de testagem aleatória em massa, que decorreu de 1 a 20 deste mês naquela província.

Conforme o responsável, durante esse período foram testadas mil e 60 pessoas, através da biologia molecular (RT-PCR), e mil e 117 cidadãos foram submetidos aos testes rápidos, resultando em 32 casos positivos.

Durante 20 dias, as autoridades sanitárias conseguiram identificar 145 contactos directos dos respectivos casos positivos, através da busca activa feita na comunidade.

Ainda na lista das 14 províncias afectadas pela Covid-19 em Angola, o município do Cazengo, província do Cuanza Norte, aparece em terceiro lugar, somando 19 casos positivos (14 recuperados, quatro activos e um óbito).

A seguir vem a província de Cabinda, com 15 casos activos, enquanto Benguela e Bengo somam cinco infectados activos cada.

Cuanza Sul regista quatro casos (dois recuperados, um activo e um óbito), seguida da província do Cunene, que soma três casos (um recuperado e dois activos).

A Huíla (Lubango) soma dois casos activos, enquanto Malanje, Bié (Andulo) e Moxico (Luena) somam um caso activo cada.

Totalizando, duas mil e 44 pessoas já foram infectadas pela Covid-19, nas 14 províncias do país, com 742 recuperados, mil e 209 activos e 93 óbitos.

Dos casos activos, seis estão em estado crítico com ventilação mecânica invasiva, 19 em estado grave, 28 moderados, 25 leves e 1.131 assintomáticos.

Até ao momento quatro das 18 províncias do país continuam sem o registo de nenhum caso positivo. Tratam-se das províncias do Namibe, Cuando Cubango, Lunda Sul e Huambo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.