Clientes da Angola Telecom devem mais de 100 milhões de Kwanzas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Cem milhões e 991 mil Kwanzas é o valor em dívida contraída por clientes do sector residencial, empresarial público e privadoa a empresa estatal de telefonia Angola Telecom desde 2014, por serviços prestados.

Falando à imprensa,   o director da instituição, Lino Inocêncio Cavanda, afirmou que, face ao momento que o país atravessa, a empresa está a negociar  com os clientes a amortização de forma parcelada, pois entende que a recuperação  do montante vai ajudar a ultrapassar alguns constrangimentos  no funcionamento da empresa.

O responsável garantiu que apesar de não estarem todos os devedores activos, a empresa tem na sua base de dados cadastrados  quatro mil e 645 clientes que beneficiam de serviços diversificados em toda província, tanto os residenciais como empresariais e corporativos.

Nesta conformidade, disse que existem clientes a utilizarem apenas telefones, outros  só a internet, entre outros serviços, razão pela qual a empresa aposta na oferta de internet com diversificação dos respectivos aplicativos aos usuários a preços competitivos.

Sem avançar números, Lino Cavanda indicou que algum valor em dívida já foi recuperado, mas é ainda irrosório, pelo que uma equipa de trabalho está criada para renegociar com os devedores a forma de amortização.

Esclareceu ainda que dados de 2019 indicavam que a dívida era de 250 milhões, 729 mil e 671 kwanzas, mas após uma reavaliação interna chegou-se a conclusão dos números actuais.

Desde 2010 que a Angola Telecom tem em curso um processo de reestruturação que culminará com a sua privatização parcial em 45%. É uma empresa pública criada pelo Decreto nº 10/92 de 6 de Março como resultado da fusão das antigas empresas estatais ENATEL e EPTEL.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.