Moçambique assume presidência rotativa da comunidade da África Austral

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Moçambique assume, na próxima semana, a presidência em exercício da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) na cimeira anual da organização, que este ano decorre em formato virtual por causa da pandemia de covid-19. 

“A 40.ª Cimeira Ordinária dos Chefes de Estado e de Governo da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) e as reuniões que a precedem terão lugar de 10 a 17 de agosto de 2020 em formato virtual”, segundo anunciou, em comunicado, o secretariado da organização, que tem sede em Gaborone, no Botsuana.

De acordo com a mesma fonte, “face às dificuldades criadas pela pandemia de covid-19”, a cimeira terá “uma agenda de trabalhos reduzida” e centrada na passagem da presidência da organização da Tanzânia para Moçambique, que será o anfitrião do encontro.

As reuniões arrancam na segunda-feira, 10 de agosto, com o encontro do Comité Permanente de Altos Funcionários da SADC e encerram na sexta-feira, 14 de agosto, com a cimeira da “troika” que gere a organização.

A atual “troika” da SADC é constituída por John Magufuli, Presidente da República da Tanzânia, como atual Presidente em exercício da SADC, pelo seu antecessor, Hage G. Geingob, Presidente da República da Namíbia, e por Filipe Nyusi, Presidente da República de Moçambique, na qualidade de novo Presidente da comunidade regional.

A cimeira de chefes de Estado e de Governo decorre na segunda-feira, 17 de agosto.

Moçambique acolheu pela última vez uma cimeira da SADC em 2012, sob a Presidência do antigo chefe de Estado Armando Guebuza. 

As cerimónias de abertura e encerramento da cimeira serão transmitidas em direto pela Televisão de Moçambique (TVM).

A SADC é uma organização integrada por 16 Estados-membros estabelecida em 1980, como Conferência de Coordenação do Desenvolvimento da África Austral (SADCC) e, mais tarde, em agosto de 1992, transformada em Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC). 

A organização visa promover o crescimento e desenvolvimento socioeconómico da região com o objetivo de assumir “um papel mais competitivo e efetivo nas relações internacionais e na economia mundial”. 

África do Sul, Angola, Botsuana, Comores, República Democrática do Congo, Essuatíni, Lesoto, Madagáscar, Ilhas Maurícias, Moçambique, Namíbia, Seychelles, Tanzânia, Zâmbia e Zimbabué são os Estados-membros da SADC.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.