Vítima da COVID-19, filha caçula de Mandela é enterrada na África do Sul

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Zindzi Mandela, a filha mais nova do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, foi enterrada em Joanesburgo, nesta sexta-feira (17), vítima do novo coronavírus – informou a imprensa local.

Seu filho Zondwa Mandela contou que sua mãe, de 59 anos, deu positivo para coronavírus e morreu no mesmo dia, na segunda-feira passada, em um hospital de Joanesburgo.

Em uma oração fúnebre na noite de quinta-feira, o presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, “agradeceu à família Mandela por este gesto muito importante de compartilhar esta informação com a nação”.

“Isso também os doentes [de coronavírus] a serem aceitos pela sociedade”, completou.

A África do Sul é o país mais afetado pela pandemia no continente, com mais de 324.000 casos confirmados, incluindo 4.669 mortes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.