Sete mil angolanos perderam os empregos devido à covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Sete mil angolanos perderam os seus empregos, desde Março do ano em curso, em consequência dos efeitos da Covid- 19 que assola o mundo.

A informação foi avançada esta quinta-feira pela ministra da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, Teresa Rodrigues Silva, aos deputados da Assembleia Nacional.

Segundo a ministra, que falava durante a discussão na especialidade do Orçamento Geral do Estado 2020 revisto, o número poderá aumentar para 12 mil  desempregados.    

Teresa Rodrigues Silva disse que para mitigar os efeitos desta situação estão em curso contactos com os seus parceiros sociais, sublinhando que relativamente aos cursos de formação profissional estão encerrados, numa medida que visa restringir a progressão da Covid-19.

“O Executivo está a acompanhar a evolução do mercado do trabalho no país”, referiu o ministro do Planeamento e Economia, Sérgio Santos, que também prestou esclarecimentos aos deputados.

Sérgio Santos explicou que o desemprego cresce mais nas zonas urbanas em detrimento das rurais.

De acordo com o governante, do primeiro ao 4º trimestre de 2019, na zona rural a taxa de desemprego era de 17 por cento, passando para 12, no primeiro trimestre do ano em curso.

Segundo o ministro, até ao momento mil 962 empresas candidataram-se para beneficiar de apoio financeiro do Governo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.