Governo reforça apelo para cumprimento das medidas de prevenção

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A Comissão Multisectorial para a Prevenção e Combate à Covid-19 reafirmou, este sábado, a necessidade de os angolanos cumprirem as medidas de biossegurança, a fim de evitarem a propagação do vírus no país.

Em nota, a comissão reforça o apelo para o uso obrigatório de máscara facial, a lavagem permanente das mãos ou a desinfecção com álcool gel, além do distanciamento social.

Relativamente à saída e entrada de cidadãos nas localidades com cerca sanitária (província de Luanda e município do Cazengo, Cuanza Norte), avança que só com autorização das autoridades.

Conforme o documento, só é permitida a entrada e saída de bens e serviços essenciais, doentes, ajuda humanitária, transladação de cadáveres.

Em relação às delegações oficiais, adianta que só podem sair depois de devidamente autorizadas e após teste prévio de Covid-19.

A nota adianta que a realização do teste prévio    não permite a saída de Luanda para quem não está abrangido pelas excepções.

Angola conta com 483 infectados, 118 recuperados, 340 activos e 25 óbitos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.