Luanda Medical Center é a única clínica privada credenciada para testes

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A clínica Luanda Medical Center é a única unidade sanitária privada em Angola credenciada pelo Ministério da Saúde (MINSA), para processar amostras de casos suspeitos à covid-19.

De acordo com o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, que fazia a habitual actualização dos dados sobre a covid-19 das últimas 24 horas no país, a população deve denunciar as unidades sanitárias que “não estão credenciadas para o diagnóstico do novo coronavírus”.

 Conforme o responsável, o único teste usado em Angola para despiste ou confirmação de casos positivos à covid-19 é a de biologia molecular, apelando os cidadãos a “não recorrer às clínicas sem credenciamento para feitura do teste.

O laboratório da clínica Luanda Medical Center, acreditado pelo MINSA, em Junho último, tem a capacidade de processar 180 amostras por dia.

Esse equipamento laboratorial privado junta-se aos outros equipamentos de biologia molecular público, instalados no Instituto Nacional de Investigação em Saúde (INIS), Hospital Militar e no Instituto Nacional de Luta contra a Sida.

Desde a confirmação dos dois primeiros casos positivos de covid-19 em Angola (Março) até à presente data, os laboratórios já receberam 27 mil e 338 amostras, das quais 21 mil e 385 foram negativas, 328 positivas e cinco mil e 625 estão em processamento laboratorial.

Com o diagnóstico de 13 novos casos, dez recuperados e um óbito, nas últimas 24 horas, os dados estatísticos apontam um total de 328 infectados, dos quais 107 recuperados, 203 activos e 18 óbitos.

A transmissão local soma 234 casos, enquanto 36 casos são importados e 58 infectados estão em estudo epidemiológico.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.