África do Sul com número recorde de casos num só dia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A África do Sul registou 8.728 casos de covid-19 na quinta-feira, um número recorde de infeções num só dia, segundo o balanço mais recente do departamento de Saúde daquele país.

Joanesburgo é a cidade mais afetada, com 22 mil casos. A província de Gauteng, que inclui a capital, Pretória, é responsável por quase 30% das infeções no país.

Com 168 mil contágios desde o início da pandemia, a África do Sul é o país com mais casos no continente africano.

O país contabilizou um total de 2.844 mortes devido à covid-19, com 95 óbitos só na quinta-feira.

Apesar de ter o sistema de saúde mais bem equipado da África Subsariana, a propagação da doença está a levar alguns hospitais ao limite, sobretudo na província de Gauteng, com mais de dois mil profissionais de saúde infetados em todo o país, segundo a agência de notícias Associated Press (AP).

Em África, há 10.390 mortos confirmados em mais de 420 mil infetados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

Entre os países africanos que têm o português como língua oficial, a Guiné Equatorial lidera em número de infeções e de mortos (2.001 casos e 32 mortos), seguida da Guiné-Bissau (1.654 casos e 24 mortos), Cabo Verde (1.301 casos e 15 mortos), Moçambique (918 casos e seis mortos), São Tomé e Príncipe (717 casos e 13 mortos) e Angola (315 infetados e 17 mortos).

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 517 mil mortos e infetou mais de 10,76 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência de notícias France-Presse (AFP).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.