Itália com mais 21 óbitos e 182 novos casos nas últimas 24 horas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Itália registou mais 21 mortes associadas à covid-19 e mais 182 novos casos confirmados de contágio do novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo o balanço mais recente publicado hoje pela Proteção Civil italiana.

Com os novos dados, o número total de mortes desde o início da pandemia no país, a 21 de fevereiro, subiu para 34.788 e o de infetados para 240.769.

Dos novos casos, 109 foram contabilizados na região setentrional da Lombardia, a mais afetada de Itália, assim como seis das vítimas mortais. As províncias da região da Lombardia mais afetadas são Bérgamo, Milão, Mântua e Brescia.

Desde o início da emergência humanitária em Itália já ficaram curadas 190.717 pessoas, continuando a doença ativa em 15.255 pacientes, dois terços deles na Lombardia.

Itália continua a diminuir as restrições após três meses de confinamento e encerramentos e, entre as novas medidas, reabriu hoje as fronteiras aos cidadãos residentes em países fora do espaço Schengen, de livre circulação na Europa, embora com restrições.

Entre elas, figura a obrigatoriedade de respeitar duas semanas de quarentena.

Por outro lado, terão de justificar os motivos da deslocação a Itália com razões de trabalho, de estudo ou de saúde, inclusivamente os que sejam provenientes dos 14 países aprovados pela União Europeia (UE).

A 03 de junho, a Itália reabriu as fronteiras aos membros do Espaço Schengen.

Segundo o ministro da Saúde italiano, Roberto Speranza, Itália optou por uma “linha de prudência” para evitar a propagação do novo coronavírus.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 511 mil mortos e infetou mais de 10,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.