Justiça portuguesa descobre milhões de Isabel dos Santos em cofres

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A justiça portuguesa descobriu na semana passada, em sequência das buscas realizadas no norte de Portugal, milhões em dinheiro vivo e documentos pertencentes à empresária angolana Isabel dos Santos, noticiaram fontes portuguesas.

De acordo com Jornal Económico de Portugal, que cita o Correio da Manhã, parte dos 280 milhões de euros arrestados pelas autoridades judiciais portuguesas, foram encontrados em cofres do Novo Banco na cidade do Porto. Além dos valores apreendidos, escreve o jornal num artigo publicado ontem, “foram encontrados títulos e documentos relevantes para a investigação que está a decorrer”.

Na semana passada, as autoridades portuguesas realizaram buscas à várias empresas ligadas ao universo da empresária Isabel dos Santos, os alvos das buscas foram a residência de Jorge Brito Pereira, ex-advogado da empresária, o escritório de advogados Uría Menéndez e outros escritórios de pessoas ligadas a Isabel dos Santos.

De acordo com a imprensa portuguesa, parte dos valores arrestados estavam na posse de Isabel dos Santos ou dos seus mais próximos colaboradores, citando os nomes de Mário Leite da Silva (antigo braço-direito da empresária), Jorge de Brito Pereira (advogado), Sarju Raikundalia (antigo administrador da Sonangol) ou da sócia Paula Oliveira.

Ontem, o Procuradoria-Geral da República, Hélder Pitta Grós, admitiu a possibilidade de as autoridades judiciais angolanas avançarem, “em coordenação com as entidades judiciárias portuguesas”, para a emissão de um mandado de captura contra a empresária Isabel dos Santos, investigada por branqueamento de capitais.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.