México com mais 947 mortes, segundo maior número diário desde início da pandemia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O México registou na quarta-feira mais 947 mortes por covid-19, o segundo maior número diário de óbitos desde o início da pandemia, elevando o total de mortos para 24.324, informaram as autoridades.

O diretor-geral de Epidemiologia do México, José Luis Alomía, precisou no entanto que os 947 óbitos registados na quarta-feira correspondem a mortes ocorridas nos últimos 10 dias, o tempo médio em que os casos são comunicados às autoridades.

O maior número de mortes diárias naquele país ocorreu no dia 3 de junho, com 1.092 mortos.

O país registou ainda mais 5.437 novos casos num só dia, com o total a atingir agora os 196.847.

Por causa do elevado número de infeções, as autoridades mexicanas tiveram de adiar a reabertura de teatros e salas de concertos.

A pandemia de covid-19 já provocou quase 479 mil mortos e infetou mais de 9,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência de notícias France-Presse (AFP).

Em Portugal, morreram 1.543 pessoas das 40.104 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.