Simeone diz que “exigência’ da ‘Champions’ mantém-se mesmo com apenas um jogo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O treinador do Atlético Madrid, o argentino Diego Simeone, afirmou hoje que o “nível de exigência” da Liga dos Campeões de futebol é a mesma, mesmo com os quartos de final e as meias-finais a serem disputados em apenas um jogo.

“A ‘Champions’ é uma competição de grande exigência e essa alteração [apenas um jogo] não muda nada. Continua a ser exigente”, afirmou Diego Simeone, em conferência de imprensa.

Na quinta-feira, o treinador do FC Barcelona disse manifestou-se contra a fase final a eliminar num só jogo.

“Acho que é pior. Não apenas para FC Barcelona, mas para todos, porque em dois jogos há a possibilidade de corrigir um acidente”, disse Quique Setién.

A UEFA formalizou na quarta-feira o formato da fase final da Liga dos Campeões, interrompida por causa da pandemia de covid-19, com a disputa de apenas um jogo para quartos de final, entre 12 e 15 de agosto, e das meias-finais, em 18 e 19, em Lisboa, onde vai ser jogada a final, em 23.

O Comité Executivo da UEFA deixou ainda em aberto a possibilidade de os quatro jogos restantes dos ‘oitavos’ serem disputados em Portugal, nas cidades de Porto ou Guimarães.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.