Cidadãos que violaram a cerca sanitária vão ser “punidos severamente” – Sílvia Lutucuta

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Os três cidadãos que violaram a cerca sanitária e levaram o novo coronavírus a província do Cuanza Norte serão “punidos severamente”, disse a ministra da Saúde Sílvia Lutucuta.

A governante fez estas declarações à imprensa, ontem, em Benguela. Segundo a ministra, o governo não vai aceitar que as pessoas furem as cercas sanitárias impostas e fiquem impunes.

“Não vamos poder aceitar que as pessoas furem a cerca sanitária, este é o primeiro ponto. As pessoas vão ser punidas severamente”, disse.

“Têm o seu diagnóstico positivo, vão ser tratadas, mas vão ser punidas. Porque de acordo com a lei eles infringiram, entretanto, vão ser tomadas às medidas neste sentido”, reforçou Sílvia Lutucuta.

“Ninguém que fure a cerca sanitária, apanhado, vai ficar impune, este é o primeiro ponto e é a mensagem que tem que ser passada”.

“Agora se a pessoa não tem necessidade nenhuma de sair de Luanda, não há razão de forca maior, não tem que furar a cerca, ainda por cima, quando fura duas cercas. Já furou a cerca sanitária do Hoje Ya Henda, depois fura a cerca sanitária de Luanda e arranja uma situação que temos agora na província do Cuanza Norte”, concluiu .

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.