EUA ultrapassam os dois milhões de casos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Os Estados Unidos ultrapassaram os dois milhões de infetados com a covid-19, segundo a contagem realizada pela Universidade Johns Hopkins, continuando a ser de longe o país com mais casos no mundo.

De acordo com os números contabilizados diariamente pela Universidade Johns Hopkins, sediada em Baltimore (leste), até às 24:30 de quarta-feira (05:30 de hoje em Lisboa) os Estados Unidos registaram 2.000.464 casos de contágio.

O país continua a contabilizar cerca de 20.000 novos casos diariamente.

Desde que a pandemia começou, os Estados Unidos registaram ainda perto de 113.000 mortos.

Cerca de 520 mil pessoas foram dadas como curadas.

Com meio milhão de testes realizados por dia, os Estados Unidos são neste momento o país com maior triagem per capita.

O Instituto de Métricas e Avaliações de Saúde (IHME) da Universidade de Washington calcula que, no início de agosto, os Estados Unidos venham a registar mais de 145.000 mortes.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 413 mil mortos e infetou quase 7,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano passou a ser o que tem mais casos confirmados, embora com menos mortes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.