Queniano de 9 anos inventa máquina para lavar as mãos e é premiado pelo presidente

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Um menino queniano, de 9 anos, Stephen Wamukota, criou uma engenhosa máquina de lavar as mãos, feita quase toda de madeira, tem um pedal para que a pessoa acione a torneira sem colocar as mãos, dessa maneira evita tocar com as mãos em qualquer superfície que esteja contaminada com o vírus.

A máquina é toda interligada, ao tocar um pedal, um galão de água é acionado e uma pequena torneira começa a jogar água nas mãos, ao terminar de lavar, aperta o pedal e galão de água corta a água. Tudo isso sem contato das mãos do usuário, evitando a contaminação e propagação do coronavírus.

Stephen e a sua família vivem na vila de Mukwa, província de Bungoma, no oeste do Quênia, onde até agora ˜não foi detetados casos. Mas o pai, James Wamukota, no entanto, teme que vírus ainda possa chegar à sua área.

“Eu comprei alguns pedaços de madeira para fazer uma moldura de janela, mas quando voltei para casa depois do trabalho, descobri que Stephen havia fabricado a máquina”, disse Wamukota à BBC.

“O conceito era dele e eu ajudei a apertar a máquina. Estou muito orgulhoso”, disse.

Wamukota, que conserta bens eletrônicos como meio de ganhar a vida, disse que seu filho sempre quis aprender seu ofício.

Ele postou a invenção de seu filho no Facebook e ficou surpreso com a rapidez com que foi compartilhada, disse.

Stephen estava entre os 68 quenianos que receberam, na segunda-feira (01), o Prémio ‘Uzalendo (Patriótico), Ordem Presidencial de Serviço.

Stephen disse que quer ser engenheiro quando crescer e que o governador do condado prometeu dar-lhe uma bolsa de estudos, disse Wamukota.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.