Cabo Verde faz quase 2.000 testes rápidos na Praia em dois dias

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Cabo Verde realizou 1.983 testes para pesquisa de anticorpos do novo coronavírus em vários bairros da cidade da Praia em dois dias, disse hoje fonte oficial, indicando que 32 deram positivo e vão ser confirmados com teste de virologia.

Na habitual conferência de imprensa para fazer o ponto de situação do novo coronavírus em Cabo Verde, o diretor do Serviço de Prevenção e Controlo de Doenças, Jorge Noel Barreto, indicou que na segunda-feira foram realizados 756 testes rápidos, com 13 resultados positivos.

No dia seguinte, foram feitos 1.227 testes, dos quais 19 deram positivos para anticorpos, sendo que agora vão ser recolhidas amostras para confirmar com teste de virologia (PCR) para o novo coronavírus.

Os testes rápidos em massa à presença do novo coronavírus na comunidade estão a ser feitos em tendas instaladas nos bairros da cidade da Praia, capital do país, o foco da pandemia em Cabo Verde.

Organizado pelas autoridades de saúde e proteção civil, cabe à Cruz Vermelha de Cabo Verde, com apoio da polícia e militares, realizar estes testes, alternadamente, que é gratuito para a população, sendo o acesso prioritário aos que sabem que tiveram contacto com pessoas infetadas.

Na última sexta-feira, o diretor nacional de Saúde, Artur Correia, avançou que Cabo Verde já tinha feito cerca de 2.200 testes rápidos de pesquisa de anticorpos do novo coronavírus este mês, na Praia, na ilha de Santiago, perfazendo agora um total de mais de quatro mil exames do género.

A ilha de Santiago, que regista mais casos de covid-19 no arquipélago, é a única também que permanece em estado de emergência desde 29 de março, pelo menos até à próxima sexta-feira, dia 29.

Cabo Verde regista 390 casos acumulados de covid-19, desde 19 de março, distribuídos pelas ilhas de Santiago (331), Boa Vista (56) e São Vicente (03). 

Do total, registaram-se quatro óbitos, dois doentes transferidos para os seus países e 155 doentes recuperados, fazendo com que o país tenha neste momento 229 casos ativos.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 350 mil mortos e infetou mais de 5,6 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Cerca de 2,2 milhões de doentes foram considerados curados.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.