Portugueses infetaram-se fora de Angola

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Três dos seis portugueses supostamentes contaminados com o novo cornavírus em Angola estão descartados dessa hipotese, apesar de saírem do país numa altura em que já se registava a pandemia entre os angolanos.

 A informação foi avançada hoje pela ministra da Saúde, Sílvia Lutucua, adiantando que os mesmos contraíram a doença em outras paragens, de acordo com as autoridades portuguesas, após testes e investigações sobre o assunto que implica os dois Estados.

 “A respeito dos cidadãos portugueses que supostamente importaram a infeção de Angola, três casos estão excluidos e três carecem de apuração da informação por parte do Ministério da Saúde de Portugal, que deve informar ao Governo de Angola”, referiu.

Segundo a também porta-voz da Comissão Interministerial para Resposta à Covid-19, do referido grupo, três infectaram-se naquele país europeu, não havendo ainda certeza quanto aos outros. “Vamos apurar os restantes 3 casos” – resumiu.

Angola regista, actualmente, 71 casos positivos, com quatro óbitos, 18 recuperados e 49 cidadãos doentes activos a receberem tratamento médico nos centros criados para o efeito, numa altura em que Portugal controla também alguns angolanos infectados.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.