Cultos retomados a partir de 24 de junho com regras de distanciamento

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

As celebrações religiosas são retomadas a partir de 24 de junho, preferencialmente apenas quatro dias por semana, segundo as regras de funcionamento dos serviços públicos e privados que vão vigorar a partir de terça-feira.

O Governo aprovou nesta segunda-feira a declaração do estado de calamidade pública, com medidas que vão começar a vigorar logo após o terceiro período de estado de emergência que termina hoje às 23:59, preparando um “processo gradual de regresso a normalidade da vida social”.

As celebrações religiosas em espaços fechados serão realizadas de preferência apenas durante duas horas em quatro dias por semana, sendo que os restantes dias reservados a higienização dos locais de culto.

Será obrigatório o uso de máscara facial e o distanciamento de, no mínimo dois metros entre os fiéis, tendo de estar também garantida a higienização das superfícies e lavagem das mãos à entrada dos locais de culto.

Os grupos de risco terão uma localização privilegiada nos locais de culto e é proibida a utilização ou distribuição de folhetos ou documentos, durante as celebrações.

Os recipientes para oferta deverão ser colocados em locais de fácil acesso devendo os fiéis deslocarem-se ao respetivo local observando o devido distanciamento físico.

As cerimónias fúnebres terão um máximo de 50 participantes, exceto no caso de pessoas que tenham morrido de covid-19, limitados a 25 participantes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.