Governo conseguiu evitar cerca de quatro mil contaminações

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A ministra da Saúde revelou que as medidas adoptadas pelo Governo, para prevenção e combate ao novo coronavírus, permitiram evitar a infecção de  pelo menos quatro mil pessoas, desde que se desencadeou o surto pandémico no país.

Nesta senda, exortou a população a continuar a acatar as medidas de confinamento e distanciamento entre as pessoas, assim como as atinentes ao uso da máscara, lavagem constante das mãos com água e sabão ou a higienizar com álcool em gel.

“Pedimos à população para frequentar pouco os hospitais, por serem espaços muito propensos a fácil contaminação”, apelou, sublinhando que graças a coragem, medidas oportunas e estratégia do Executivo, Angola pode contrariar as projecções da OMS, de atingir os dez mil casos entre Maio e Junho.

Enalteceu, neste particular, o comportamento de muitos cidadãos que cumprem rigorosamente as medidas de prevenção, mantendo-se em casa, evitando aglomerados e primando pela higienização regular, como forma de colaboração.  

Angola conta atualmente com um total de 58 casos com três óbitos, 38 doentes ativos e estáveis e 17 recuperados.

Foram colhidas até ao momento 10 mil amostras, das quais 6.693 foram processadas, com 58 resultados positivos.

Sílvia Lutucuta adiantou ainda que chegaram ao país cerca de 90 toneladas de material de biossegurança diverso provenientes da China.

 A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 323 mil mortos e infetou quase 4,9 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 1,8 milhões de doentes foram considerados curados.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.