Ilhas Maurícias são o primeiro país a declarar-se livre da Covid-19 em África

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

As Ilhas Maurícias declararam-se livres da Covid-19 após a recuperação total das infecções, contabilizando hoje o seu 17º dia consecutivo sem registo de novos casos, anunciou o portal noticioso Africanews.

A página oficial da Covid-19 deste  arquipélago africano indica que 322 pessoas recuperaram da doença de um total de 332 casos confirmados até agora. Desde então, 10 pessoas morreram.

No entanto, as ilhas continuam a observar, desde 20 de Março, uma situação de estado de emergência para conter a possível propagação do novo coronavírus.

Em comunicado, o ministério da Saúde e Bem-Estar informou na segunda-feira que 73.572 testes Covid-19 foram realizados, incluindo 50.077 testes rápidos e 23.495 testes de PCR.

As autoridades acrescentam que 220 cidadãos vindos do estrangeiro ainda se encontram em quarentena.

Até ao momento, as Ilhas Maurícias são o único Estado livre da Covid-19 em África. O Lesoto, a Eritreia, as Ilhas Seychelles e a Mauritânia têm um caso activo cada, de acordo com as estatísticas da Universidade John Hopkins, dos Estados Unidos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.