BNA compra títulos na Bolsa no valor de 6,88 mil milhões de kwanzas

BNA compra títulos na Bolsa no valor de 6,88 mil milhões de kwanzas

O Banco Nacional de Angola (BNA) desembolsou 6,88 mil milhões de kwanzas, até quarta-feira, 13 de Maio, em 25 operações de compra de Obrigações do Tesouro (OT) na plataforma de negociação da Bolsa da Dívida de Valores de Angola (Bodiva).

A  referente  compra  de títulos de 16 empresas foi efectuada ao  abrigo do Instrutivo 06/2020, de 6 de Abril, através do qual foi disponibilizada a Linha de Liquidez para Compra de Títulos públicos às Pequenas e  Médias empresas (PME).

O plafond aprovado do referido instrutivo, de acordo com a nota a que a Angop teve acesso, é de   100 mil milhões de kwanzas, tendo um remanescente de 93 mil milhões 118 milhões e 931 kwanzas, após o desembolsou efectuado no valor de  6 mil milhões 88 milhões 68 mil 132 kwanzas.

A tramitação dos processos das entidades visadas ocorreu junto dos bancos comerciais, com um total de oito participantes, entre os quais o BAI com uma oferta de mil milhões 176 milhões e 71 mil e 722 kwanzas, seguindo do Atlântico que fez uma oferta de 850 milhões 422 mil e 829 Kwanzas.

Constam ainda na  lista  o BFA, com uma montante na ordem dos 622 milhões 705 mil e 973, o Bic  com 557 milhões 318 mil e 313 kwanzas, entre outros.

O referido instrutivo foi estabelecido na sequência da declaração do Estado de Emergência, decretado através do Decreto

Presidencial n.º 82/20, de 26 de Março, tendo  o Banco Nacional de Angola considerado  oportuno implementar medidas para permitir que pequenas e médias empresas possam transformar determinadas Obrigações do Tesouro nos seus balanços em liquidez imediata, facilitando assim a sua gestão de tesouraria durante este período de menor actividade.

Neste âmbito,  o governador do Banco Central determinou  a linha  para a compra de Obrigações do Tesouro.

Assim, o Banco Nacional de Angola disponibiliza uma linha para a compra de Obrigações do Tesouro Não Reajustáveis a pequenas e médias empresas, nos termos e condições já definidas no mesmo instrutivo.

Fonte: Angop

Close Menu