Angola adere ao Tribunal de Justiça da União Africana

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Angola depositou nesta segunda-feira (11), em Addis-Abeba (Etiópia), três Instrumentos Jurídicos da União Africana (UA), com vista à sua ratificação e tornar-se, oficialmente, Estado-Parte dos mesmos, refere em nota a Representação Permanente de Angola Junto da UA.

Trata-se da Carta de Adesão ao Protocolo do Tribunal de Justiça da União Africana, Carta de Ratificação da Convenção da União Africana sobre a Cibersegurança e Protecção de Dados e Carta para Ratificação do Protocolo da União Africana relativo aos Estatutos do Tribunal Africano de Justiça e dos Direitos Humanos.

Fez a entrega dos instrumentos na Comissão da União Africana (depositária dos tratados continentais) o embaixador na Etiópia, Francisco da Cruz, igualmente Representante Permanente de Angola Junto da União Africana e na Comissão Económica das Nações Unidas para África.

Emitidos pelo Presidente da República, João Lourenço, os documentos foram aprovados pela Assembleia Nacional, à luz da Constituição da República de Angola (CRA), em cumprimento das formalidades legais.

Tais aprovações obedeceram aos artigos 161˚ e 166˚ e 121˚ da CRA, bem como ao 17˚ da Lei n.˚ 4/11 de 4 de Janeiro.

Dos sessenta e nove (69) tratados da União Africana, Angola assinou trinta e seis (36), ratificou vinte e três (23) e procedeu a igual número de depósitos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.