Embarcação com pescadores desaparece em mar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Três pescadores artesanais de malha abordo numa embarcação de sete metros estão desaparecidos desde o dia 7 do mês em curso, no mar do Cuanza Sul, informou, neste domingo, o armador do barco, Lucas Domingo Frederico.

Os pescadores sairam no dia 28 de Abril com o propósito de permanecerem, no máximo, uma semana, mas dois dias depois informaram a pescadores de uma outra embarcação, com quem cruzaram em alto mar, que estavam com problemas no motor do barco.

Lucas Frederico, que falava à ANGOP, adiantou que esforços foram feito no sentido de se regatar os pescadores no local em que haviam sido avistados, mas, infelizmente, sem sucesso.

A embarcação tem a denominação de Wilson, matrícula 517-AM, cor azul e castanha, com uma barra branca ao meio.

“Neste momento não tenho nenhum sinal deles. Dois depois de sairem ficaram com os telefones desfligados, situação que se regista até à presente data”, reforçou.

O responsável disse ter já informado e solicitado ajuda das captanias do Sumbe e Porto Amboim para a localização dos pescadores, aguardando por informações das duas entidades marítimas.

Os pescadores actuam numa área marítima de quatro milhas, partido do Sumbe, área da Firmar, até à barra do rio Keve.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.