Polícia impediu que mulher fosse queimada viva

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A Polícia Nacional (PN) impediu que uma mulher de 70 anos fosse morta em Saurimo, província da Lunda Sul, por um indivíduo de 26 anos que a “acusava de feitiçaria”.

O índivíduo tinha preparado gasolina e machado para queimar a vítima na sua residência.

Segundo o Comando Provincial da Polícia Nacional, numa nota a que a Angop teve acesso hoje, o autor da tentativa do crime foi detido e será presente aos órgãos judiciais.

Por outro lado, a PN deteve no domingo, 18 cidadãos por desobediência ao Estado de Emergência, furtos e ofensas corporais graves.

No capítulo dos acidentes, foram registadas três colisões entre veículos automóveis e motociclos e um despiste, com quatro feridos e danos avaliados em 523 mil Kwanzas.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.