Paulo de Almeida quer reforço das medidas preventivas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O comandante-geral da polícia nacional, comissário-chefe Paulo de Almeida, afirmou, nesta segunda-feira, em Cabinda, que os casos de transmissão local registados em Luanda exige o reforço de medidas preventivas contra a pandemia da covid-19.

Paulo de Almeida, que está em Cabinda para uma jornada de trabalho, destacou a necessidade de se reforçar as medidas preventivas e o cumprimento rigoroso, para impedir o alastramento do processo de transmissão local. 

“Soubemos que Cabinda está muito bem em termos do cumprimento das medidas”, disse Paulo de Almeida durante a sua chegada à província de Cabinda para uma jornada de trabalho.

O oficial superior da Polícia Nacional destacou a acção dos efectivos da Guarda de Fronteiras, cuja missão é garantir a ordem e tranquilidade nas fronteiras, sobretudo, nesta fase da prevenção contra a covid-19.

Referiu que existem algumas orientações para se melhorar a eficiência nas fronteiras, reforçando as medidas para manter a sua inviolabilidade.

Em Cabinda, Paulo de Almeida manterá  um encontro  com os membros dos conselhos consultivos do ministério e do comando provincial e visitas aos postos fronteiriços com a República Democrática do Congo (RDC).

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.